Follow by Email

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

A praia e as cores das bandeiras


Já não ia à praia há mais ou menos dois anos. Na verdade, não é coisa de que sinta grande falta, mas havendo boa companhia e bom tempo, torna-se bem agradável.
Hoje, na Costa da Caparica, a bandeira estava amarela no sítio onde estivemos, mas lá perto havia uma bandeira do Benfica, perto das rochas. Como Estorilista que sou, preferi a bandeira canária que, como o clube, não dá para ir muito longe. A vermelha é mais perigosa... Ainda há a verde, que é mais segura, e que hoje pode ser que dê esperança ao Sporting frente ao Fiorentina.

Foi pena, pois a temperatura da água estava agradável, mas só deu para uns banhos, bem pertinho de terra.

7 comentários:

Francisco Castelo Branco disse...

Não sabia que eras Estorilista.

Em tempos tb fui.

Assistia aos jogos quando a equipa estava na 2ªB e quase que desceu para a terceira

Até tive naquele jogo no Algarve...

A praia é a melhor coisa do Mundo..

Corvo disse...

Fico satisfeito que já o tenhas sido.
Curiosamente, nunca assisti "in loco" a jogos com o Estoril, mas hei-de ir, qualquer dia, à Amoreira apoiar os Canários.
A minha paixão pelo Estoril, é por ter sido também uma das do meu avô paterno. O meu avô era o sócio-fundador n.º7. Ainda guardo o cartão com as quotas em dia até à data da sua morte. Além disso, metade da minha família é de Cascais, que é bem perto.
Também guardo uma grande simpatia e "torço" sempre pelo Benfica.
Bom Verão, e um abraço.

Maria disse...

Meu Corvo:

Bandeiras e mais bandeiras, estava a ver que ainda vinha a aul e branca, posta na Câmara de Lisboa.
Beijinhos.
Mãe

Corvo disse...

Essa da Câmara foi, de facto uma ideia infeliz.
Mas, realmente, não referi a bandeira azul da praia. Infelizmente também difícil encontrar, bem como pessoas que usam essas azuis e brancas...

Beijos do Corno Bravo.

Corvo disse...

ERRATA:
Leia-se "Beijos do Corvo Vasco".

Agradeço a compreensão.

Corvo disse...

Raios me partam! Enganei-me outra vez! Chipre!!

Queria dizer "Corvo Bravo".

Maria disse...

Corvo:
Que grande susto me pregaste!
Já te estava a ver casado sem eu saber e ainda por cima já com os apêndices.
Tás a ver o que dá ires para o Ribatejo?
Mas do mal o menos. Antes bravo que manso.
Cuidado que o teclado do computador é muito traiçoeiro.
Beijos da mãe, PATA BRAVA.